Facebook

CUT RO > ARTIGOS > MANIFESTAÇÕES DO DIA 16/08 VERSUS DO DIA 20/08: DIFERENÇAS NA FORMA, NO CONTEÚDO E NOS OBJETIVOS...

Manifestações do dia 16/08 versus do dia 20/08: diferenças na forma, no conteúdo e nos objetivos...

Escrito po: Itamar Ferreira

14/09/2015

Presidente da CUT RO escreve a respeito das duas manifestações

... a composição dos manifestantes do dia 16/08, majoritariamente, foi formada por 57% de pessoas com ensino superior e de 73% que se declaram brancos; de acordo com pesquisa efetuada por professores da USP; estes dados são semelhantes aos que o Datafolha apurou na manifestação de 15/03, quando identificou também que 82% desses manifestantes votaram em Aécio Neves e 68% tinham renda igual ou superior a 5 salários mínimos (R$ 3.940,00)...

... enquanto que os manifestantes que irão às ruas neste dia 20 têm um perfil oposto, sendo que pesquisas anteriores mostraram que 62% tinham renda até 5 salários mínimos e 71% votaram em Dilma, sendo que a presença de negros e pardos foi visivelmente muito mais acentuada; ou seja, formada por pessoas que em sua maioria moram nas periferias das cidades...

... em que pese ser uma verdadeira festa da democracia e ambas manifestações serem legítimas, as reivindicações são muito diferentes. A deste dia 16/08 se concentrou no impeachment ou renúncia da Dilma, retorno da ditadura e no combate seletivo à corrupção, focada quase que exclusivamente no PT; tanto que Ronaldo Caiado, Agripino Maia, Paulinho da Força Sindical...mesmo encalacrados em denúncias de corrupção foram bem recebidos pelos manifestantes; nenhuma menção às inúmeras mazelas tucanas; sendo que até mesmo o carrasco dos trabalhadores Eduardo Cunha foi poupado, mesmo estando envolvido com R$ 5 milhões na Lava Jato...

... fica claro que para os manifestantes do último domingo vale tudo, até o apoio de notórios corruptos e esquecer as corrupções tucanas, para tentar apear Dilma e o PT do poder. Já a manifestação do dia 20 tem uma pauta bem mais pragmática e definida, que passa pela exigência de respeito aos ditames da democracia em relação ao mandato de Dilma, combate à corrupção sem distinção de cores partidárias, reforma política com participação popular, garantia de manutenção dos avanços sociais implantados nos últimos 13 anos, além de dois outros pontos considerados fundamentais...

... o primeiro deles é a exigência de revisão do pacote do ajuste fiscal recessivo, que tira direitos dos trabalhadores, como as Medidas Provisórias 664 e 665 sobre o seguro desemprego e benefícios previdenciários; rediscussão do programa de proteção ao emprego; fator previdenciário, redução das taxas de juros e manutenção dos recursos para os programas sociais. Esse pacote de maldades capitaneado pelo ministro Levy do Ministério da Fazenda vai causar desemprego e reduzir o crescimento econômico...

... o segundo, é neutralizar projetos do ´presidente-bomba´ da Câmara dos deputados, como a aprovação do PL-4330 que terceiriza as atividades fins nas empresas; a "reforma política" sem qualquer participação popular; a absurda lei que transforma manifestantes em terroristas e várias outras maldades que estão a caminho de ser aprovada pelos reacionários e conservadores, principalmente, da Câmara dos Deputados...

...resumindo, os manifestantes do dia 16 acreditam que se tirar Dilma e o PT do poder e se possível acabar com este partido se resolve todos os problemas do Brasil, como se estes não existissem desde o descobrimento; já os manifestantes do próximo dia 20 querem uma solução que permita "jogar a água do banho fora, mas preservar a criança que está na bacia"...

... e esta "criança que está na bacia" não é pouca coisa: valorização do Salário Mínimo e reajustes salariais acima da inflação nos últimos 13 anos; cotas para alunos de escolas públicas em universidades públicas; direitos das domésticas; PROUNI; recursos e políticas para a agricultura familiar; institutos técnicos federais; bolsa família; ascensão social; redução drástica da pobreza e da fome... questões estas que os manifestantes do dia 16 dão pouca importância e ainda torcem o nariz; sendo que o PSDB historicamente é especialista em acabar com conquistas sociais e direitos dos trabalhadores.

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

TV CUT
Senadora Gleisi Hoffmann fala sobre a campanha
Senadora Gleisi Hoffmann fala sobre a campanha "Anula Reforma"

http://anulareforma.cut.org.br

RÁDIO CUT

CENTRAL ÚNICA DOS TRABALHADORES DE RONDÔNIA
RUA BRASÍLIA, 2920 | SÃO CRISTOVÃO | CEP 76804-070 | PORTO VELHO | RO
Tel.: (69) 3212-1167 / 1182 | Fax: (69) 3212.1182 | www.cutro.org.br | CUT.RO@IG.COM.BR